Bernauto

WRC assinala 50 anos durante Rali de Portugal reunindo antigos campeões

Sébastien Loeb, Sébastien Ogier, Walter Röhrl e Ari Vatanen são alguns dos pilotos que devem participar na iniciativa.

Os 50 anos do Mundial de ralis (WRC) vão ser assinalados à margem do Rali de Portugal, em Matosinhos, de 19 a 22 de maio, com uma série de iniciativas que irão reunir antigos campeões e carros.

Uma série de carros históricos serão exibidos no parque de serviço da Exponor e os adeptos das provas de rali terão uma rara oportunidade de ver alguns em corridas de demonstração em etapas especiais nos quatro dias da prova.

Sébastien Loeb, Sébastien Ogier, Walter Röhrl, Ari Vatanen, Miki Biasion, Carlos Sainz, Marcus Grönholm, Petter Solberg e Ott Tänak, que juntos somam 28 títulos, são alguns dos pilotos campeões que devem participar na iniciativa.

O vice-presidente desportivo da Federação Internacional do Automóvel (FIA), Robert Reid, além de Luis Moya, Christian Geistdörfer, Tiziano Siviero, Timo Rautiainen, Derek Ringer, David Richards e Martin Järveoja são alguns dos co-pilotos campeões mundiais aguardados em Matosinhos.

A lista é reforçada pelos vencedores da WRC Ladies’ Cup Louise-Aitken-Walker e Isolde Holderied, a sua co-piloto Tina Thörner, e Christine Driano. Michèle Mouton e Fabrizia Pons, a única dupla feminina a vencer um Mundial WRC, também estarão presentes.

Quase 30 carros clássicos vão traçar a história do WRC, entre os quais um Alpine A110, modelo que venceu a primeira etapa do WRC no Rali de Monte-Carlo, pelas mãos de Jean-Claude Andruet.

Outros ‘monstros’ do Grupo B, que cospem fogo, como os Audi Quattro S1, A1 e A2, e modelos Lancia Delta S4, Lancia Stratos, Ford Escort RS1800 e Opel Ascona 400, ao lado dos mais recentes Toyota Corolla e Hyundai i20, também marcam presença.

Fonte: Auto ao Minuto